Atualizações nas políticas antidoping do UFC não consideram a Cannabis uma substância proibida

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

No dia 31 de dezembro de 2023, se tornou válida nos Estados Unidos, a legislação atualizada das políticas antidoping adotadas pelo Comitê Americano de Artes Mistas , de acordo com as novas regras, os atletas não serão mais punidos por utilizar Cannabis.

A organização que anteriormente era parceira da Agência Antidoping dos EUA (USADA), retirou a Cannabis no fim do ano passado como substância proibida do seu manual antidoping. O argumento é que não existem comprovações científicas de que a Cannabis aumente o desempenho dos atletas, e nem de que mascare o uso das drogas de aumento de performance (PED´s).

Fonte: UOL

Últimas Publicações

SAC