Manter a saúde em dia pode ser simples e gratuito com prática de exercício físico

Hoje é celebrado o Dia Mundial da Atividade Física e Dia Nacional de Mobilização pela Promoção da Saúde e Qualidade de Vida

Por Rede Abracom

Para se ter saúde é preciso praticar algum tipo de atividade física. Essa frase é repetida sempre em diversos casos de tratamentos de doenças das mais variadas formas por médicos, enfermeiros, nutricionistas e tantos outros profissionais que trabalham nesta área e é uma grande verdade.

Neste dia 6 de abril é celebrado o Dia Mundial da Atividade Física e Dia Nacional de Mobilização pela Promoção da Saúde e Qualidade de Vida. De acordo com a última Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), desde 2013 os maus hábitos, que englobam a alimentação não balanceada, pouco ou nenhum exercício físico, cigarros e bebidas alcoólicas vem prejudicando os brasileiros em vários aspectos.

Essa inatividade física, que prejudica a saúde, é realidade em todo o mundo. Por este motivo, a Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou um plano de ação mundial sobre atividade física e saúde para o período de 2018 a 2030. O objetivo é fazer com que as pessoas se movimentem mais.

A OMS acredita que é possível melhorar em 15% até 2030. Ela recomenda um conjunto de 20 áreas políticas, que combinadas, podem fazer com que a sociedade fique mais ativa através da melhoria de ambientes e oportunidades para prática de mais caminhadas, ciclismo, esportes, recreação ativa, dança e jogos.

O plano de ação ainda pede apoio para treinar profissionais de saúde e outros profissionais, além de ter sistemas de dados mais sólidos e favorecer o uso de tecnologias digitais. A ideia é mesmo realizar atividade física para garantir a melhor qualidade de vida e saúde.

As doenças cardíacas, acidentes vasculares cerebrais, diabetes e câncer de mama e de colo do útero podem, até mesmo, ser evitadas com a prática de exercícios. Essas doenças são as causas de 71% de todas as mortes no mundo.

Para começar a praticar exercício físico é preciso ir ao médico e realizar exames. A intensidade desse exercício será moderada pela condição de saúde, mas o início pode ser feito com uma caminhada leve, por exemplo, em volta da praça mais próxima da residência. Manter a saúde em dia pode ser simples e gratuito desta forma.

SAC